CBR

 

16

março

2012

Esclarecimento sobre liberação da Prova Teórica para Admissão e Títulos

Sobre a lista de Médicos Residentes e Aperfeiçoandos liberados da Prova Teórica para o Concurso de Admissão e Títulos do Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem (CBR) de 2012, a Comissão de Ensino, Aperfeiçoamento e Residência (CEAR/CBR) esclarece que:

1 – A Avaliação Anual de Médicos Residentes e Aperfeiçoandos, realizada desde 1999, sempre no mês de dezembro, é obrigatória para os Aperfeiçoandos cadastrados na CEAR/CBR, provindos dos Cursos de Aperfeiçoamento credenciados do CBR, e facultativa para os Residentes dos Programas de Residência Médica credenciados pela Comissão Nacional de Residência Médica do Ministério da Educação (CNRM/MEC), embora a maioria deste grupo participe das avaliações.

2 – A Avaliação Anual incluía 160 questões, abordando o mesmo conteúdo para os três anos de treinamento básico em Radiologia e Diagnóstico por Imagem. Para minimizar o problema do conteúdo igual para os três níveis, vinha sendo adotado o critério da aplicação de percentis, corrigindo-se a média das notas de cada aluno  com as do seu nível.

3 – A partir de 2011, a CEAR/CBR, atendendo a várias sugestões e críticas de alunos que, por vezes, consideravam-se injustiçados pela cobrança do mesmo conteúdo, decidiu subdividir as questões, cobrando o conteúdo de acordo com o nível, conforme estabelecido nos Requisitos Mínimos para o Programa de Residência Médica em Radiologia e Diagnóstico por Imagem, diretriz construída em conjunto pela Associação Médica Brasileira, CBR e CNRM/MEC, que propusera uma nova matriz curricular, baseada em conteúdos e competências mínimas para cada ano de treinamento.

4 – Embora ainda não tenha sido publicada nova Portaria da CNRM/MEC, tornando obrigatória a adoção destes requisitos mínimos, o que se espera que ocorra em breve, a CEAR/CBR decidiu se antecipar e elaborar a prova de 2011 com as primeiras 100 questões para o nível 1 (R1/A1), as questões de 1 a 130 para o nível 2 (R2/A2) e de 1 a 160 questões para o nível 3 (R3/A3), conforme o respectivo conteúdo programático. O novo modelo foi bem aceito e, com o objetivo de promover melhorias no método, um questionário de avaliação foi enviado. O resultado está em fase de tabulação.

5 – A título de incentivo para a adesão do maior número de Residentes e Aperfeiçoandos, o CBR vinha oferecendo a possibilidade de liberação da Prova Teórica de Títulos sob o seguinte critério: o participante que obtivesse 7 (sete) como média mínima na somatória das três notas consecutivas, considerando-se sempre os percentis, seria dispensado da primeira parte do Concurso de Admissão e Títulos.

6 – A partir de 2011, haveria mudança nos critérios, adotando-se a média aritmética das três notas consecutivas, garantiria a liberação da referida prova e assim foi feito, sendo gerada pelo sistema uma lista com aproximadamente 115 nomes liberados da referida prova.

7 – Entretanto, considerando sugestões e críticas recebidas de candidatos, que se sentiam prejudicados pela não-utilização dos percentis, conforme publicado nos editais de 2009 e 2010. A CEAR/CBR solicitou um estudo ao Departamento de Tecnologia da Informação do CBR e constatou que, de fato, a mudança implicou na redução da média.

8 – Para evitar eventual prejuízo para aqueles que ingressaram em 2009 e 2010, e que estariam, portanto, concluindo seu treinamento básico em 2012, a CEAR/CBR decidiu recalcular as médias e tornar justa a lista de Médicos Residentes e Aperfeiçoandos liberados da Prova Teórica para o Concurso de Admissão e Títulos.

9 – Por esse motivo, e exclusivamente por ele, foi gerada e publicada uma lista atualizada de participantes dispensados.

Com este esclarecimento público, a CEAR/CBR isenta totalmente a Douta Comissão de Admissão e Titulação do CBR de qualquer responsabilidade nesse equívoco. Qualquer outra interpretação ou ilação que venha a ser feita sobre o assunto é fruto do desconhecimento dos fatos acima relatados, uma vez que esta comissão se recusa a admitir a hipótese de má fé ou eventual oportunismo.

A CEAR/CB aproveita a ocasião para felicitar os colegas egressos dos Programas de Residência Médica e dos Cursos de Aperfeiçoamento, que justamente integram a lista, e lhes garante o direito de se inscreverem para o Concurso de Admissão e Prova de Títulos de 2012, gozando do benefício da dispensa da parte teórica.

Parabéns, futuros Membros Titulares do CBR, que esta seja sempre a sua casa.

Dr. Ênio Rogacheski
Diretor Científico e Coordenador da CEAR/CBR

Noticias Aleatórias