CBR

 

30

janeiro

2013

CBR se dedica a informar e tranquilizar a população sobre óbitos durante RM

Em face dos óbitos ocorridos durante exames de ressonância magnética no último dia 28, na cidade de Campinas (SP), o Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem (CBR) tem se dedicado a informar os médicos radiologistas de todo o país sobre os desdobramentos dos eventos e tranquilizar a população em relação à segurança deste método de diagnóstico por imagem.

O CBR lamenta profundamente esta fatalidade e se colocou à disposição da imprensa, oferecendo todo o conhecimento científico sobre a especialidade a serviço da sociedade para evitar receios infundados. Durante o dia de ontem (29/01), o presidente do CBR, Dr. Henrique Carrete Júnior, concedeu entrevistas a diversos veículos de comunicação de penetração nacional, esclarecendo a imprensa sobre o que é a ressonância magnética, qual a importância do método para o diagnóstico médico, para o que serve o contraste e quais as reações adversas do mesmo.

Confira abaixo o teor de uma das entrevistas:

Rádio CBN
http://cbn.globoradio.globo.com/programas/jornal-da-cbn-2-edicao/2013/01/29/RELATOS-DE-REACOES-ALERGICAS-SAO-BASTANTE-RAROS-EM-USO-DE-CONTRASTE-EM-EXAMES-DE-RESSO.htm

O CBR também manteve seus canais de comunicação trabalhando para levar todas as informações necessárias aos seus associados e público em geral. O site permanece sendo abastecido periodicamente com os últimos dados sobre o assunto, comunicados oficiais foram encaminhados ao público via e-mail e, através do Twitter, o Colégio buscou manter um fluxo de informações constante com seus seguidores.

Noticias Aleatórias