CBR

 

07

março

2013

Aos 98 anos, morre o Dr. Antônio Villela de Mendonça Uchôa

Faleceu no último dia 24 de fevereiro, aos 98 anos, o Dr. Antônio Villela de Mendonça Uchôa, radiologista intervencionista nascido em Ribeirão Preto (SP).

A história da Radiologia Intervencionista no Hospital das Clínicas (HC) de São Paulo (SP) confunde-se com a biografia do Dr. Uchôa. Formado no Rio de Janeiro (RJ), ele ingressou no HC em 1961, como cirurgião vascular. Na época, a Clínica Radiológica do HC passava por um período difícil. Após a aposentadoria de seu catedrático (posição que hoje equivale ao titular), professor Rafael de Barros, em outubro de 1957, a instituição ficou sem comando por 10 anos. Isso permitiu que as demais clínicas médicas, necessitando dos serviços de raios X, montassem seus próprios gabinetes radiológicos, debilitando a estrutura da clínica radiológica.

Somente em 1967, com a reabertura do concurso e a posse do professor Paulo de Almeida Toledo como titular da cadeira, a clínica voltou a ser reestruturada, centralizando novamente os serviços de radiologia de todo complexo hospitalar. Em 1968, ele assumiu a chefia da, na época, recém-criada seção de Radiologia Vascular.

Referência de dedicação, esforço e, sobretudo, incansável dedicação à Medicina e à Radiologia Intervencionista brasileira e mundial, ele era o mais experiente e longevo médico intervencionista em atividade no mundo.

Noticias Aleatórias