CBR

 

01

julho

2013

São Paulo: participe da mobilização médica no dia 3 de julho

Nesta quarta-feira, dia 3, a Avenida Paulista será palco de nova manifestação dos médicos, residentes e estudantes de medicina contra a intenção do governo federal de importar médicos sem a revalidação de diplomas expedidos em instituições de ensino de outros países.

O ponto de encontro será, às 16h, na sede da Associação Médica Brasileira (Rua São Carlos do Pinhal, 324, atrás do prédio da TV Gazeta), de onde sairá uma passeata rumo ao gabinete de representação da presidência da República, na Avenida Paulista, 2163. No local, haverá um panelaço simbolizando a necessidade de as autoridades abrirem os ouvidos ao clamor da população.

Como solução para o problema da falta de profissionais de saúde em áreas remotas e nas periferias, as lideranças médicas pedem a aprovação imediata da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 454/2009, que cria a carreira médica nos serviços públicos federal, estadual e municipal, semelhante à de juízes e promotores. De acordo com as entidades, o problema do atendimento integral, contudo, não depende somente da melhor distribuição geográfica de médicos.

As entidades registram que, atualmente, o Sistema Único de Saúde (SUS) enfrenta um grave caso de subfinanciamento e também de distorções no processo de gestão. Além de médicos, uma assistência adequada aos moradores de áreas remotas só se dará quando a infraestrutura for completa, ou seja, com hospitais, postos de saúde, profissionais de outras áreas, como nutricionistas, cirurgiões-dentistas, fisioterapeutas, enfermeiros; acesso a medicamentos, entre muitos outros aspectos.

Serviço
Dia nacional de mobilização contra a importação de médicos formados no exterior sem a revalidação do diploma
Data: Quarta-feira, 03/07
Horário: A partir das 16h
Roteiro: Os médicos, residentes e estudantes de medicina se reunirão em frente à sede da AMB (Rua São Carlos do Pinhal, 324, atrás do prédio da TV Gazeta) e farão passeata até o gabinete de representação da presidência da República (Avenida Paulista, 2163), com panelaço simbolizando a necessidade de as autoridades abrirem os ouvidos ao clamor da população.

Noticias Aleatórias