CBR

 

07

dezembro

2010

iPhone pode acelerar diagnósticos

A Radiological Society of North America (RSNA) apresentou, em seu último Congresso, realizado de 29 de novembro a 04 de dezembro deste ano, um estudo que demonstra que o iPhone pode ser usado com eficiência no diagnóstico de doenças graves.

De acordo com a entidade, os médicos radiologistas podem avaliar exames em alta resolução de longas distâncias, diagnosticando doenças como a apendicite com o uso de um smartphone equipado com software específico.

O método ainda passará por aperfeiçoamentos, porém, a expectativa dos radiologistas americanos presentes no RSNA’2009 é que o equipamento seja cada vez mais usado em diagnóstico por imagem.

Interessou-se? Então aguarde o Boletim do CBR - e saiba mais sobre o assunto na sessão “Ciência”.

Noticias Aleatórias