CBR

 

10

novembro

2009

Máquina de raios-x eleita descoberta mais importante em Londres

Em pesquisa realizada pelo Museu da Ciência do
Reino Unido, em comemoração pelo centésimo aniversário da instituição, a
máquina de raios-x foi eleita o descobrimento científico mais importante da
história. As descobertas que ocuparam os outros dois primeiros lugares foram a
da penicilina e da dupla hélice do ADN.

A realização da sondagem foi feita pelos curadores
do Museu, que escolheram dez objetos da coleção da instituição e os
demonstraram ao público para que fosse indicado o mais importante. O aparelho de
raios-x foi votado como melhor descoberta por 10 mil das 50 mil pessoas que
participaram da pesquisa.

A partir de agora, os dez objetos fazem parte de
uma exposição especial do Museu e o vencedor está representado por uma máquina
de raios-x artesanal, construída pelo britânico Russell Reynolds pouco tempo
depois de, em janeiro de 1896, o alemão Wilhelm Röntgen ter anunciado a
descoberta dos “raios invisíveis a olho humano, mas capazes de atravessar
objetos sólidos”.

Noticias Aleatórias