CBR

 

31

março

2011

Código de Ética Médica pode ser acessado em dispositivos móveis

Aplicativo desenvolvido pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) em parceria com a MedPhone permite que o novo Código de Ética Médica seja acessado  pelo iPhone, iPod touch e iPad. O objetivo dessa iniciativa é facilitar a consulta dos médicos brasileiros ao documento que norteia o exercício da profissão.

O aplicativo é gratuito e disponibiliza os seguintes recursos: artigos divididos em capítulos para facilitar a leitura, opção de busca de palavras dentro dos artigos, acesso ao índice remissivo virtual como outra possibilidade de visualização dos temas escolhidos, opção para adicionar os artigos mais visualizados como favoritos, e opção para compartilhar os artigos com qualquer e-mail. O dispositivo é preparado para as telas Retina de iPhones 4 e iPods touch 4G.

A sexta edição do Código de Ética Médica foi revisada após mais de 20 anos de vigência do Código anterior e traz novidades como a previsão de cuidados paliativos, o reforço à autonomia do paciente e regras para reprodução assistida e a manipulação genética. Além de prever a extensão de seu alcance aos médicos em cargos de gestão, pesquisa e ensino.

Também tiveram suas diretrizes revistas, atualizadas e ampliadas temas como a publicidade médica, o conflito de interesses, a segunda opinião, a responsabilidade médica, o uso do placebo e a interação dos profissionais com planos de financiamento, cartões de descontos ou consórcios.

Para obter o aplicativo, clique aqui.

Fontes: CFM e MedPhone

Noticias Aleatórias