CBR

 

03

maio

2011

Audiência pública na CSSF vai debater relação entre médicos e planos de saúde

Acontecerá no próximo dia 10 de maio uma audiência pública para debater a relação de trabalho entre os médicos prestadores de serviço e as operdoras de planos de saúde. O início do debate está marcado para as 14h30, na Comissão de Seguridade Social e Família, da Câmara dos Deputados.

Confirmaram presença na audiência o presidente da ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar), Maurício Ceschin; p presidente da AMB (Associação Médica Brasileira) José Luiz Gomes do Amaral; a coordenadora institucional da Proteste – Associação Brasileira de Defesa do Consumidor, Maria Inês Dolcci, e o presidente da Federação Nacional de Saúde Suplementar, Márcio Serôa de Araújo Coriolano.

De acordo com o deputado federal Eleuses Paiva (DEM/SP), que solicitou a audiência, a oportunidade colocará em discussão os motivos pelos quais os profissionais organizaram a paralisação de 24 horas no último dia 7 de abril.

“Já estamos estudando a possibilidade de abrir uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito). Sei que algumas mudanças já começaram a acontecer, como a proibição para que os planos de saúde limitem o número de pedidos de exames aos médicos. Mas não basta”, afirmou o deputado.

Noticias Aleatórias