CBR

 

12

fevereiro

2014

Restrição à mamografia tem grande repercussão na mídia

mamografia_carrete_globoA denúncia das entidades médicas – Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem (CBR), Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (Febrasgo) e Sociedade Brasileira de Mastologia (SBM) – sobre a Portaria 1.253 do Ministério da Saúde teve ampla repercussão na mídia.

Com apoio do Conselho Federal de Medicina (CFM) e da Associação Médica Brasileira (AMB), as instituições divulgaram nota de repúdio ao governo federal no Dia Nacional da Mamografia (5 de fevereiro) por este negar o exame a mulheres entre 40 e 49 anos, deixando seu custeio a cargo dos municípios, que já estão mais do que sobrecarregados em relação ao financiamento da saúde pública. Também foi severamente criticada a prática da mamografia unilateral, citada na mesma portaria.

O posicionamento das entidades médicas é de que os profissionais de medicina prescrevam a mamografia de rastreamento para todas as pacientes a partir dos 40 anos e aceitem somente o exame realizado nas duas mamas.

A divulgação ocorreu durante entrevista coletiva à imprensa na sede do CFM, em Brasília, com a presença do presidente do CBR, Dr. Henrique Carrete Junior, da coordenadora da Comissão Nacional de Mamografia, Dra. Linei Urban, do presidente do CFM, Dr. Roberto Luiz D’Ávila, do presidente da Febrasgo, Dr. Etelvino Trindade, e do presidente da SBM, Dr. Ruffo de Freitas Junior.

Clique aqui para ler a nota de repúdio na íntegra.

Confira nos links a seguir a repercussão do tema na mídia:

CBN – Rádio
Mortes por câncer de mama poderiam cair até 50% caso mamografia na rede pública não fosse restrita

Folha de S. Paulo

Jornal O Globo

Globo / G1 / Bem-Estar
Entidades condenam restrição por idade de mamografia pelo SUS

Globo / Bom dia Brasil
Faltam aparelhos de mamografia em muitas cidades brasileiras

R7
CBR alerta para má distribuição de mamógrafos e qualidade do exame

Jornal de Londrina

Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina
CFM alerta: SUS diminui prevenção ao câncer de mama

Jornal Extra
Mais da metade das cariocas nunca fez mamografia

Globo / G1
Mulheres de 50 a 69 anos poderão fazer mamografia sem pedido médico

Jornal Hoje
Portaria do Ministério da Saúde altera idade mínima para mamografia pelo SUS 

UOL
CFM questiona portaria que limita acesso ao exame de mamografia

Gazeta do Povo
Entidades médicas criticam restrição etária para mamografias pelo SUS

O TEMPO
Mamografias gratuitas podem ser suspensas em Minas Gerais

Agência Brasil / EBC
CFM questiona portaria que limita acesso à mamografia

TV Brasil
CFM questiona na justiça novas regras para realização de mamografia

Globo / Bom Dia MS
Mulheres enfrentam demora para fazer exame de mamografia em MS

Globo / SPTV 1ª edição
Mulheres de 50 a 69 anos poderão fazer mamografia gratuitamente

Band
Mulheres terão mamografia grátis sem “guia”

Agência Câmara
Bancada feminina questiona governo sobre restrição às mamografias pelo SUS

Agência Senado
Lúcia Vânia lembra Dia Nacional da Mamografia e lamenta falta de aparelhos no país

CFM
Entrevista do presidente do CFM sobre as restrições do governo à mamografia

Interação Express
5 de fevereiro: Dia Nacional da Mamografia

 

Noticias Aleatórias