Workplace ultrapassa 3 mil usuários; conheça algumas experiências

Workplace_Wordmark_Gray (2)Já são mais de 3 mil usuários. O Workplace, plataforma para compartilhar conhecimentos e fazer contatos lançada em junho pelo Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem (CBR) é um grande sucesso. O número de casos interessantes postados com frequência, as discussões geradas por eles e os diversos assuntos relevantes para a área, como os de defesa profissional, têm atraído inúmeros profissionais à ferramenta.

Dois dos participantes mais ativos, o Dr. Euler Campos, de Minas Gerais, que atua em diversos grupos, como Ultrassonografia Geral, Gastrointestinal, Geniturinário, Mama e Radiologia Pediátrica, e a Dra. Marina Taliberti, do Hospital Santa Catarina e da Maternidade Pro Matre, em São Paulo (SP), que acompanha especialmente os grupos de Mama e de Ultrassonografia em Ginecologia e Obstetrícia, contaram um pouco sobre suas experiências no Workplace.

“Achei fantástico. O que mais me chamou a atenção foi a semelhança com o Facebook, o que possibilitou múltiplos recursos de interação e fez com que não tivesse dificuldade alguma de navegação”, afirma o Dr. Euler. Segundo ele, a ferramenta pode ajudar os radiologistas justamente na possibilidade de interação: “Abre-se uma janela de oportunidades tanto na discussão de casos interessantes quanto na captação de profissionais”.

Para a Dra. Marina, era difícil encontrar uma forma de ter um arquivo pessoal organizado, com casos ou algo relevante que via no dia a dia. “Com o Workplace, assim que vejo um caso interessante, eu fotografo, filmo e o insiro. É algo muito prático”, elogia. “Também é uma forma de saber o que os outros profissionais estão fazendo, entender as referências de cada região. Enfim, é difícil ter acesso a uma plataforma com tantas informações ao mesmo tempo”, acrescenta.

A radiologista afirma ter ficado muito surpresa com a reação positiva dos demais usuários: “Não achei que fossem responder às minhas postagens, mas, além de tudo, retornaram rapidamente. Fiz vários contatos com profissionais da minha área e todos com sucesso, inclusive com pessoas de renome, como as doutoras Linei Urban [coordenadora da Comissão de Mamografia do CBR] e Ana Lúcia Kefalás [também integrante da comissão]. Ter o suporte de pessoas mais experientes é extremamente importante”.

Tanto Dr. Euler quanto Dra. Marina usam a ferramenta com bastante frequência. “Utilizo várias vezes durante o dia, conferindo os casos publicados e as discussões pertinentes, além de postar diversos casos do cotidiano”, conta o radiologista. “Acesso o Workplace diariamente e costumo postar um ou mais casos durante a semana. Mesmo que não sejam fora do comum, sei que vão ajudar residentes, por exemplo”, diz a profissional.

Como destaques finais, Dr. Euler acredita que estar em um grupo restrito e homogêneo ajuda muito no sentido de fazer novos contatos. A opinião é compartilhada por Dra. Marina, que vê na ferramenta uma forma de os colegas conhecerem uns aos outros.

Se você não recebeu convite para o Workplace e está interessado em utilizar a plataforma, por favor, envie seu nome completo e CRM para o e-mail: radiologia@cbr.org.br.

Escrito por

Murilo Castro

Deixe seu comentário